segunda-feira, 25 de maio de 2015

Aquilo que Sustenta Tudo Isso



Essa é a única realidade presente em todas as sensações, em todos os pensamentos, em todas as experiências e histórias, em tudo aquilo que acontece com o corpo e a mente. Esta Presença, esta realidade permanece sempre presente como aquilo que sustenta tudo isso. 

Não há nela nenhuma emenda, costura ou remendo. É uma colcha única, não como uma colcha de retalho que nossas avós faziam antigamente. A soma de todas as experiências, sensações, pensamentos, de tudo aquilo que se apresenta na mente, não forma esta colcha, não são retalhos nesta colcha, são só aparições nessa colcha única, nesta tela.  

Você permanece como esta Consciência, como esta Presença, sem conflito, sem medo, sem ser atingido por aquilo que passa  no corpo e na mente. A grande tentação é acreditar que algo pode ser feito, é acreditar que existe alguém separado daquilo que se apresenta. São apenas memórias, sensações, sentimentos e emoções. 

Aquilo que se apresenta no corpo e na mente não é você.


Mestre Gualberto

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Este é um Trabalho de Deus, não seu!




Viver em dispersão, sem nenhum foco, permite que a mente não observada permaneça em “seu comando”, que é o comando do condicionamento, dos hábitos arraigados, dos padrões, dos desejos e das vasanas.

Se há uma maneira SIMPLES e REAL para deixar de lado esta dispersão, e se voltar para esta auto-observação, é encontrando o Seu Mestre, a partir deste encontro ELE ASSUME o comando e você é dispensável.

O Mestre é um espelho que reflete a nossa Real Natureza. Olhar em seus olhos, nessa disposição de rendição e entrega é encontrar-se.

Isto é assim, porque o Mestre toca o seu coração como nenhum outro “humano” seria capaz de tocá-lo, pois a sua Presença é a direta, tangível e objetiva Graça do Supremo. 

Deus é a Vontade Suprema, Único e Real criador, a misteriosa verdade por detrás de todas as coisas. Como sei disso? Eu não sei, mas é isto que na Presença Dele é revelado, no entanto, não capturado pelo discípulo, porque o discípulo precisa ir além de si mesmo, e neste além de si mesmo não há saber, não há certezas, não há alguém para revelar a verdade dentro de um formato de “conhecimento”, de “clareza” e de “certezas” que só existe para a crença, a crença que é este formato que se encaixa perfeitamente a mente porque é uma extensão dela própria.

O Guru é Deus na forma e como Única Verdade, Suprema Realidade, Ele é o Único que pode conduzir o discípulo para “além de si mesmo” e assim, conduzi-lo para além das crenças, dos desejos e da busca, e dissolvê-lo em “Si Próprio”, em Sua própria Graça, mostrando através de um REAL TRABALHO DE AUTORREALIZAÇÃO sob o discípulo, que só há uma Presença e que nada se encontra fora dessa Única Presença.

A autorrealização não significa a realização de alguém, mas a realização de Deus, a realização do próprio Guru, misteriosamente estendida sobre o discípulo, até o ponto em que a ideia de uma relação Mestre-discípulo seja dissolvida no silêncio, no mistério, na Presença, na Graça, em Deus. Até lá o discípulo coloca TODO O SEU CORAÇÃO no Mestre e caminha passo a passo, num caminho sem estradas, trilhas ou limitações, e vai deixando para trás o corpo, a mente e o mundo, o seu velho e conhecido mundo de imagens mentais.

O Guru está sempre disponível. Mas e você, até onde você está disponível para viver em Sua Graça? Até onde você pode caminhar com o Guru e deixar a si mesmo para trás? Até onde você pode se banhar em sua Presença? Esta Presença, esta Graça, que é o solvente de todas as ilusões.

Gratidão Mestre por sua Graça, por sua disponibilidade, por sua Real compaixão e por REALIZAR ESTE TRABALHO que “eu” jamais poderia realizá-lo, porque este é um trabalho de DEUS.

Jay Guru Dev Mestre Gualberto,


Tudo por meu Pai foi entregue; e ninguém conhece quem é o Filho senão o Pai, nem quem é o Pai senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar
Lucas 10:22


Seguidores